Portal Ivi Hoje #7Anos Informação a um clique! 16:02

Em 2018, polícia registrou 214 casos de maus tratos contra animais em MS

O número é superior ao registrado em 2017, quando foram 159

Cb image default
A chow chow / Imagens: Arquivo pessoal

Um caso de envenenamento de animais que ocorreu no mês passado no bairro Santo Antônio em Campo Grande chocou os moradores, mas, não se pode dizer que o crime é tão incomum assim.

Dados do Núcleo de Estatísticas e análise criminal da Superintendência de Inteligência da Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) apontam que, no ano passado foram registrados 75 casos de maus tratos contra animais em Campo Grande e outros 139 nos municípios do interior.

No ano anterior, foram 50 casos de maus tratos contra animais na Capital e outros 109 nas cidades do interior do Estado. Do dia 1º de janeiro até o dia 20 de fevereiro deste ano já foram contabilizados nove casos na Capital e outros 29 no interior. Dentre estes, os do envenenamento de cachorros e gatos no Santo Antônio, na região Oeste de Campo Grande.

Os casos ocorreram no dia 15 de fevereiro e motivaram até um pet shop da região a emitir um alerta pelas redes sociais sobre o assunto. Na ocasião, quatro animais haviam sido atendidos e todos morreram.

Uma das vítimas foi uma chow chow conhecida como gordinha cuja tutora é uma auxiliar administrativa, de 31 anos. “É lamentável! Ela fazia parte da casa”, comentou na ocasião.

Segundo a Polícia Militar Ambiental (PMA), no ano passado, o maior problema relativo a maus tratos registrado foi a rinha de galo. Só neste tipo de crime, foram autuados 65 infratores e 215 galos apreendidos, em seis ocorrências. Multas somaram R$ 1.573.500,00, sendo R$ 1,542 milhão apenas em Campo Grande.

Em 2017, setenta e cinco pessoas foram autuadas pela PMA por maus tratos em Mato Grosso do Sul. Além das autuações, foram aplicados R$ 1.595.700,00 em multas.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.