Em Angélica, Polícia Civil desarticula célula de facção criminosa

Operação aconteceu nesta quarta, com cinco presos no município e um mandado cumprido na Máxima na Capital

Cb image default
Suspeitos presos em Angélica.

Na quarta-feira (11), foi deflagrada uma operação de combate ao crime organizado em Angélica. A ação liderada pela Polícia Civil, teve como objetivo a repressão de crimes cometidos por membros de uma organização criminosa denominada PCC (Primeiro Comando da Capital).

Ao todo foram expedidos seis mandados de prisão, sendo cinco cumpridos no município de Angélica e um na Penitenciaria da Máxima em Campo Grande.

Após meses de investigações e trabalho de inteligência policial, a equipe da Polícia Civil da unidade de Angélica, sob o comando do delegado Valter Guelssi, desarticulou uma célula do PCC no município.

Conforme se apurou nas investigações, o grupo é responsável por diversos crimes na região, dentre eles articulação e coordenação de tráfico de drogas, homicídios e outros delitos. A organização criminosa era coordenada por um criminoso de dentro do presídio na Capital.

“Mais uma vez a Polícia Civil mostrando sua importância para a comunidade de Angélica e região, já que todos se beneficiam com as diversas operações policiais realizadas pela equipe”, destacou o delegado.

Ainda segundo a autoridade policial, foram representadas as prisões de todos os integrantes da célula criminosa, após deferimentos pelo Poder Judiciário.

A operação envolveu somente os policiais civis da Delegacia de Polícia Civil de Angélica. Créditos Jornal da Nova

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.