Publicado em 06/02/2020 às 11:36, Atualizado em 06/02/2020 às 15:39

Governador vai abrir vagas de estágio de Medicina em 25 cidades; nenhuma é do Vale do Ivinhema

Da Redação, Ivi Hoje, Governo do MS
Cb image default

Em agenda na governadoria, nesta quinta-feira (6), o governador Reinaldo Azambuja e o reitor da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Laércio Alves de Carvalho, vão aprovar medidas que fortalecem os cursos de Medicina e de pós-graduação stricto sensu da Universidade.

Às 14h, eles vão assinar convênios que abrem vagas de estágio para alunos de Medicina em 25 municípios do Estado. Além disso, vão liberar edital de apoio financeiro aos programas de pós-graduação e autorizar acordo para construção do Centro de Estudos de Recursos Naturais da UEMS em Dourados.

Estágio – Termos de cooperação serão firmados com 25 municípios para a realização do internato regional para acadêmicos do sexto ano de Medicina, ou seja, para o estágio curricular supervisionado obrigatório. As atividades serão realizadas em unidades de saúde administradas pelos municípios e vinculadas ao Sistema Único de Saúde (SUS).

As cidades para os estágios são Amambai, Anastácio, Anaurilândia, Aquidauana, Aral Moreira, Bela Vista, Bodoquena, Bonito, Caarapó, Cassilândia, Corguinho, Corumbá, Dois Irmãos do Buriti, Inocência, Itaporã, Jaraguari, Jateí, Juti, Mundo Novo, Nioaque, Rio Negro, Rio Verde de Mato Grosso, Rochedo, Selvíria e Vicentina.

Cada uma delas vai fornecer, no mínimo, duas vagas de estágio por mês e os alunos vão receber auxílio de R$ 800 mensais, além de hospedagem e alimentação. O estágio terá duração de dois meses, período em que serão desenvolvidas atividades da Atenção Básica de Saúde – como consulta médica sob supervisão, visitas domiciliares e planejamento de ações de saúde.

Pós-Graduação – O edital do Programa de Incentivo a Produção Científica Qualificada que será lançado nesta quinta-feira objetiva apoiar financeiramente as publicações de artigos científicos e de livros, ou capítulos de livros, realizadas entre fevereiro de 2020 e janeiro de 2021 por docentes efetivos da UEMS.

Centro de Estudos – Parceria entre os governos Federal e Estadual vai possibilitar a ampliação do Bloco C da UEMS em Dourados com a construção do Centro de Estudos de Recursos Naturais (CERNA), que vai subsidiar a produção sustentável de biocombustíveis. A estrutura de 314,43 m² vai atender demanda de pesquisadores locais.

Valores serão divulgados no evento.