Segurança brasileiro que matou homem em boate é preso na fronteira

O paraguaio Óscar Julián Samaniego Ferreira morreu na noite do dia 14 de Julho e uma brasileira ficou ferida

Cb image default
Suspeito foi preso em Pedro Juan Caballero (Foto: Divulgação)

Foi preso neste sábado (20) o brasileiro apontado pela polícia paraguaia como autor do assassinato de Óscar Julián Samaniego Ferreira, de 29 anos, em uma boate de Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã. O crime aconteceu na madrugada de domingo, 14 de julho.

Dorival Mendonça Arguelho, de 48 anos, estava foragido desde o dia do crime e tinha mandado de prisão em seu nome expedido pela justiça Paraguaia. Ele foi capturado nesta manhã em uma casa do centro de Pedro Juan Caballero.

Conforme a polícia, Dorival era segurança da casa noturna e na madrugada do dia 14 feriu a tiros Óscar e a brasileira Jucirley Rodríguez da Costa, de 34 anos.

Matéria relacionada - Brasileira e paraguaio são baleadas por segurança em boate na fronteira. A brasileira não teve ferimentos graves; já o paraguaio está internado no Hospital Regional com morte cerebral

Todo o crime foi gravado pelas câmeras de segurança do local. As imagens mostram o homem, a brasileira e outra mulher tentando levantar uma moto caída no chão quando o segurança atira com uma pistola calibre 9 milímetros. Os dois foram socorridos, mas Óscar, atingido na cabeça, não resistiu aos ferimentos.

Jucirley foi atingida por um tiro de raspão, recebeu atendido no Hospital Regional da cidade paraguaia e foi liberada.

Cb image default
As câmeras de segurança que filmavam o local flagraram as vítimas e mais uma mulher na entrada da boate tentando levantar uma motocicleta que estava caída.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.