Mulher tem casa invadida, é agredida e termina sendo estuprada; vítima saiu seminua pedindo socorro em Sidrolândia

Policia conseguiu capturar o autor em flagrante

Cb image default

Na noite de segunda-feira (30), um caso de estupro foi atendido pela Policia Militar, após uma mulher sair correndo seminua pedindo socorro, pelas ruas do Bairro São Bento, em Sidrolândia.

Segundo informações obtidas por testemunhas, a mulher estava em sua residência já em sua cama, quando foi surpreendida por um homem que desferiu um golpe em seu rosto, arrancou suas vestes e cometeu o estupro.

A vítima, após ser violentada, saiu pedindo socorro pelas ruas, foi quando populares acionaram a Policia Militar que fez um breve levantamento junto às testemunhas e obteve o endereço do autor.

A guarnição foi até o local, e os policiais visualizaram por uma janela, que o acusado estava deitado em uma cama, solicitaram para que o mesmo abrisse a porta o que não foi acatado, diante do fato de flagrante, policiais arrombaram a porta da casa e prendeu o acusado, que ficou muito alterado tendo que ser usado algemas para proteger a integridade física dos policiais e do acusado.

A vítima foi encaminhada para atendimento médico e o autor entregue na Delegacia de Policia Civil para os devidos procedimentos cabíveis.

Este mesmo elemento foi denunciado por violência doméstica por outra mulher, sua companheira no inicio da semana, após o mesmo chamá-la de “vagabunda, prostituta, demônio” e a agredir fisicamente. O Caso também foi registrado na DEPOL.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.