Mulher que decepou pênis do irmão é encontrada morta e ex-marido assume o crime no PR

Ela teve mãos e pernas amarradas antes de ser morta

Cb image default

Uma família marcada por tragédias. Franciele de Lima Meira Carmo, 27 anos, foi encontrada morta neste ultimo sábado (15), com pés e mãos amarrados dentro da própria casa em Palotina, oeste do Paraná. O ex-marido, de 27 anos, foi preso no dia seguinte e assumiu o crime.

Franciele foi acusada, no ano passado, de decepar o pênis do irmão, de 13 anos, suspeito de abusar da filha dela, de 3 anos. Este crime ocorreu em Francisco Alves (PR).

A polícia chegou a trabalhar com a hipótese de que o assassinato de Franciele poderia ter relação com o crime contra o irmão, mas o ex-marido confessou que a matou por desentendimentos do casal.

O homem, que até então teria sido quem encontrou o corpo da ex-companheira e avisou a polícia, acabou preso por ter cometido o crime de feminicídio.

Franciele foi encontrada com os pés e mão amarradas e com um corte profundo no pescoço.

Eles tinham o histórico de brigas e discussões de casal, além de que ele já havia sido preso em 2019, pelo crime de Violência Doméstica – Lei Maria da Penha, por ter agredido Franciele em Francisco Alves. Com informações da banda B e ViolaNews

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.