Portal Ivi Hoje 8 Anos Informação a um clique! 04:48

Santos se impõe, goleia América-RN e avança na Copa do Brasil

Peixe pressiona, finaliza mais de 20 vezes e constrói vitória sem grandes dificuldades no Pacaembu; Atlético-GO será adversário na terceira fase do torneio

Diante de um adversário organizado, mas mais fraco tecnicamente, o Santos fez o que dele se esperava. A equipe de Jorge Sampaoli goleou o América-RN por 4 a 0, na noite desta quinta-feira, no Pacaembu, e avançou à terceira fase da Copa do Brasil sem grandes dificuldades. Pressionando desde o início, o Peixe construiu a vitória naturalmente e chegou aos gols com Derlis González, Jean Mota, Rodrygo e Aguilar. Mais uma grande apresentação do Santos, que perdeu chances, finalizou 24 vezes, mas teve essa ótima exibição diante de pouco público – pouco mais de 8 mil pessoas. Agora, são 11 gols marcados e apenas um sofrido em dois jogos na Copa do Brasil (o time havia feito 7 a 1 no Altos, do Piauí, na primeira fase).

Cb image default

Como fica?

O rival do Santos na terceira fase será o Atlético-GO, que eliminou o Atlético-CE com goleada por 4 a 0 na etapa anterior. Datas e ordem dos mandos serão definidos na CBF nesta sexta-feira.

Mais um dia de Jean "Lionel" Mota

O meia do Santos aumentou sua artilharia no ano em grande estilo, com um belo gol de peito após bola dividida na área. Agora ele tem oito gols em 2019.

Mudanças antes e durante o jogo

Minutos antes do início da partida, Jorge Sampaoli orientou uma troca no posicionamento do Santos: Diego Pituca, que originalmente jogaria na lateral esquerda, foi liberado para atacar, enquanto Jean Mota, meia, fechou a linha de quatro defensores. Sem resultado, o técnico logo mudou o panorama dentro do jogo, abrindo Pituca na lateral e deixando Jean Mota ao lado de Rodrygo na armação. O gol de Derlis González saiu exatamente após cruzamento de Pituca pelo setor. Ao Santos, ainda falta pontaria. Mas as variações numa mesma partida chamam a atenção.

Primeiro tempo

Apesar de alguns sustos sofridos ao longo dos primeiros 45 minutos, o Santos teve total controle do jogo, pressionou a saída de bola do América e teve, em alguns momentos, mais de 80% do tempo de posse. As primeiras boas jogadas saíram com Rodrygo aberto pelo lado esquerdo, mas o desempenho melhorou quando a joia da equipe passou a atuar por dentro, com Diego Pituca caindo por seu setor. A estratégia deu certo aos 35 minutos, quando Rodrygo fez linda jogada, Pituca cruzou, e Derlis González pegou a sobra para abrir o placar. O Santos finalizou nove vezes, contra apenas quatro do adversário.

Segundo tempo

O Santos não diminuiu o ritmo e continuou criando chances, sempre em velocidade, sempre em trocas de passes que quebravam as linhas adversárias. Naturalmente, a goleada foi sendo construída – primeiro Jean Mota, depois Rodrygo, e no fim, Aguilar. Tudo isso em meio a gols perdidos por Carlos Sánchez, que merecia ter marcado ao menos uma vez (finalizou oito vezes!) e a boas defesas do goleiro Ewerton, de um América que mostrou lealdade e organização em campo.

Público: 7.229 pagantes (8.295 total). Renda: R$ 211.302,00.

Próximos jogos

O Santos volta a campo no próximo domingo, contra o Corinthians, às 16h (de Brasília), na casa do rival, pela décima rodada do Campeonato Paulista. O América-RN, por sua vez, também tem clássico – contra o ABC, domingo, às 17h (de Brasília), na Arena das Dunas, pelo campeonato estadual.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.